Degustação de cervejas Santo Prazer na Mestre Cervejeiro

Hey ho, let’s go!

Como eu comentei com vocês no meu post de Dicas de Cervejas, essa é uma das minhas paixões, cervejas artesanais que trazem diferentes sensações e sabores e, na ocasião, eu até comentei que aqui em Londrina era difícil de encontrar alguns rótulos. Pois, meus amigos, seus problemas acabaram e os meus também. Hoje, eu descobri duas coisas maravilhosas e quero compartilhar com vocês:

1 – O beer sommelier Vinicius Munhoz, do Santo Prazer, está lançando 3 rótulos de autoria própria, uma Pale Ale, uma Pilsen e uma Weiss.

Beer Sommelier, Vinicius Munhoz

Beer Sommelier, Vinicius Munhoz e seus novos rótulos

2 – E a loja Mestre Cervejeiro, que fica na Gleba Palhano, e possui mais de 120 rótulos de cervejas artesanais.

Painel decoração Mestre Cervejeiro

Tivemos a oportunidade de participar da degustação realizada nesta terça feira na Mestre Cervejeiro, onde fomos apresentados aos três excelentes rótulos do Santo Prazer: a forte Pale Ale, a frutada Weiss e a leve Pilsen.

O beer sommelier Vinicius Munhoz foi bastante atencioso e fez uma apresentação bem clara de cada um dos seus rótulos para cada grupo que chegava ao local. Ele contou um pouco sobre a harmonização de queijos com suas cervejas e sabores e nos fez entender um pouco melhor como escolher quais tipos de queijo são melhores para apreciar cada tipo de cerveja.

Uma cerveja mais leve acompanha um queijo mais leve, uma cerveja encorpada acompanha um queijo encorpado.

Cervejas e harmonização com queijos

Pale Ale e Pilsen do Santo Prazer e harmonização com parmesão e asiago

Para mim, que estou em Londrina desde 2007, foi uma surpresa saber que não sou tão amante de cerveja assim, pois, desde 2009, Vinicius vem investindo em trazer rótulos diferenciados ao mercado londrinense e eu não fazia ideia.

Em nosso bate papo, ele lembra que quando começou era apenas uma portinha, onde vendia somente um rótulo. Depois, em 2012, expandiu para o bar que hoje conhecemos, trazendo mais algumas opções ao cardápio, como os tão conhecidos chopps do Santo Prazer e agora está lançado seus primeiros rótulos.

Para o beer sommelier é uma grande alegria ver que o mercado londrinense tem aumentado sua procura por cervejas artesanais. Ele lembra que, no começo do bar, o pessoal reclamava de encontrar preços um pouco mais caros, porém, hoje as pessoas já entendem que estão pagando não apenas pela cerveja, mas pela experiência de novos sabores.

Levando em consideração esse mercado crescente na cidade, Thiago Janene e Maykon Maia viram a oportunidade de abrir uma franquia da curitibana Mestre Cervejeiro, que nasceu como um site sobre cultura cervejeira em 2004, em 2012 virou franquia e vem fazendo sucesso em Londrina desde fevereiro deste ano.

Donos da Mestre Cervejeiro em Londrina

Gabrielle Maia, Maykon Maia, Thiago Janene e Renata Janene, proprietários do Mestre Cervejeiro Londrina

Ao entrarmos na loja, já encontramos alguns dos nossos rótulos preferidos, London Pride e Brooklin Brewery, o que me deixou muito feliz, porque amo essas cervejas e não sabia onde encontrá-las na cidade. Thiago nos contou que o público tem recebido eles muito bem e que a procura tem aumentado bastante.

Buscamos sempre trazer rótulos diferentes, que não podem ser encontrados facilmente na cidade. Além disso, é possível vir até a loja e receber dicas e informações, se você não é uma pessoa experiente no assunto.

Este é o quarto evento realizado pela loja este ano e, como pudemos presenciar hoje, eles tem recebido bastante público, desde pessoas que já conhecem rótulos artesanais até alguns curiosos. Desde que começaram, eles também realizaram algumas parcerias e promoções com outras lojas do shopping, para realmente cativar aqueles que ainda não tem o costume de apreciar uma cerveja singular.

London Pride < 3

London Pride <3

Os rótulos criados por Vinicius já estão à venda na loja e, caso você esteja interessado em conhecer uma cerveja local e com excelente sabor, essas sem dúvida são uma excelente pedida. A minha preferida foi a Pale Ale 😉

E aí, já experimentou algum dos rótulos do Santo Prazer ou conhece a Mestre Cervejeiro? Conta pra gente nas redes sociais.

Você também pode me encontrar aqui 😉 

Compartilhe isso: