Do Campo à Mesa – desvendando os mistérios da nossa alimentação

Oi, gente!

No post de hoje vim trazer para vocês um canal do YouTube que descobri há algumas semanas e que tem me interessado e informado bastante: Do Campo à Mesa. O canal é coordenado pela jornalista Francine Lima, e a descrição sobre o canal é a seguinte:

“Aqui você descobre a verdade sobre os alimentos – e também as mentiras que a indústria conta. Como interpretar os rótulos? Será que os produtos que se dizem saudáveis são mesmo tão saudáveis? Como eles são produzidos? Será que as marcas mais conhecidas são confiáveis? Será que nossa legislação protege mais os direitos do consumidos ou os interesses da indústria?

Os vídeos do canal são resultado de muita investigação jornalística, entrevistas, estudos acadêmicos e explicações didáticas pra você entender tudo e nunca mais ser enganado no supermercado. Porque é muito melhor fazer compras inteligentes.”

O nome do canal e do site remete à cadeia completa dos alimentos, da sua produção rural ao consumo, passando pela indústria, comércio e mídia. Do Campo à Mesa produz conteúdos informativos, educativos e, muitas vezes, também divertidos que buscam mostrar as transformações que os alimentos passam ao longo dessa cadeia, normalmente desconhecidas pelo consumidor.

A intenção é manter o consumidor sempre informado do que está comprando e ingerindo, para que possa fazer as melhores escolhas para sua alimentação. Francine não defende nenhum tipo de dieta, e sim alimentar-se com comida de verdade (se você se interessa pelo assunto, recomendo também ler nosso post sobre o documentário Cooked). Por isso o lema dela é “Você é o que sabe sobre o que come.”

Deixo com vocês alguns vídeos para entenderem melhor o que rola no canal.

Esse vídeo é super interessante, e nos mostra como encontrar os açúcares “escondidos” nos rótulos dos produtos, até naqueles que se dizem “sem adição de açúcar”.

Se curtirem o assunto, recomendo assistir mais vídeos do canal, e dar uma olhadinha no site. Pra quem é “natureba” como eu, é uma ajudinha a mais pra manter as boas escolhas na hora de fazer o mercado ou a feira.

Espero que tenham gostado da dica, e mesmo que você não seja adepto de uma alimentação tããão saudável assim, informação nunca é demais!

Beijos. 🙂

Gostou do post? Me acompanhe nas redes sociais. 

Compartilhe isso: